top of page

O ASSUNTO CENTRAL: TERCEIRA PARTE DA APRESENTAÇÃO


Continuando a nossa abordagem sobre as partes de uma apresentação, hoje falarei a você sobre o assunto central, a terceira parte. Caso você não tenha lido os meus artigos ou visto os meus vídeos sobre introdução e preparação, respectivamente, a primeira e segunda partes de uma apresentação, recomendo que os leia ou veja para melhor compreender o assunto desse vídeo (clique aqui).


Basicamente, o assunto central é a parte mais importante da apresentação. Nela, você abordará suas ideias e toda linha de argumentação que as fundamentam, bem como rebaterá ideias contrárias, sejam elas reais ou factíveis. Nessa fase, também você resolverá o problema levantado na preparação e cumprirá cada uma das partes ali informadas.


O assunto central é dividido em duas partes: a argumentação ou confirmação e refutação. Vou falar sobre cada uma delas.


A argumentação ou confirmação é parte na qual você apresentará os argumentos que defendem a proposição ou tese definida na preparação. Por exemplo, se você definiu como proposição a seguinte frase: “Hoje, nós iremos aprender duas maneiras impactantes de diminuir o medo de falar em público”, no momento em que estiver desenvolvendo o assunto central, você deverá apresentar argumentos que, de fato, comprovem que as duas maneiras são, verdadeiramente, formas impactantes de atenuar o medo de falar em público.


Assim, a argumentação serve para comprovar o que foi dito na proposição ou tese, o resumo em uma ou duas frases do assunto central. Por essa razão, procure identificar os melhores argumentos que ajudarão a comprovar o que você estiver defendendo.


A outra parte do assunto central é a refutação. Nessa fase, você rebaterá ideias contrárias à sua linha de argumentação. Talvez você já tenha percebido que a apresentação não é apenas construída com argumentos que defendam suas ideias. Você deverá estar atento para possíveis ideias contrárias àquelas que você pretende defender. E qual o momento para isso? Certamente que não é o momento em que você esteja se apresentando, mas sim no momento de elaboração da apresentação.


Nesse sentido, procure levantar sempre as possíveis ideias reais e mesmo as factíveis contrárias à sua linha de argumentação na fase de elaboração da apresentação, haja vista que terá maiores condições de refletir com maior precisão sobre elas e encontrar os melhores argumentos para combatê-las.


Agindo assim, suas chances de persuadir os ouvintes aumentarão. Jamais deixe para verificar quais seriam as possíveis ideias contrárias no momento em que, efetivamente, se apresenta, haja vista estar correndo um risco muito grande, podendo, inclusive, comprometer o resultado da sua apresentação.

Lembre-se sempre que é melhor prevenir, porque nesse caso nem sempre você poderá remediar a tempo e a contento.


Resumindo, o assunto central é a parte da apresentação na qual você explanará suas ideias e rebaterá ideias contrárias. Assim, busque sempre os melhores argumentos e as melhores formas de expô-los que, aliás, poderão ser assunto de outro artigo ou vídeo.


Grande abraço e fique sempre com Deus!

Comments


bottom of page